2016-06-10 00:00:00DocumentaçãoEnglishQuer abrir uma empresa? Listamos abaixo os fatores mais importantes que você deve avaliar na hora de tirar sua ideia do papel para...https://quickbooks.intuit.com/br/blog/br_qrc/uploads/2017/05/Como-aplicar-a-avaliação-de-desempenho-na-minha-empresa.jpghttps://quickbooks.intuit.com/br/blog/documentacao/como-abrir-uma-empresa/Saiba como abrir uma empresa

Saiba como abrir sua empresa

3 min de leitura

Em momentos de crise, surgem muitas oportunidades para empreender, mas você sabe o que é preciso para abrir sua empresa? Além da vontade de ter um negócio, existem questões técnicas e legais para o sucesso de um empreendimento. Alguns deles são a análise de mercado, a montagem de um plano de negócios, análise de viabilidade, fonte de recursos e as questões legais.

Quer aproveitar as oportunidades para começar no mundo dos negócios? Então saiba como no post de hoje!

Por onde começar?

O primeiro fator a ser analisado é qual necessidade do mercado você pretende suprir, ou seja, o que você irá oferecer aos seus clientes. Essa definição irá embasar todo o plano de negócios da sua empresa. Depois de decidir, é hora de olhar para o mercado e identificar como sua empresa irá se posicionar, quais são e o que fazem seus concorrentes, avaliando suas melhores práticas e como trazê-las para sua empresa. Esse processo é conhecido como benchmarking.

Ainda na análise de benchmarking, passamos para a próxima etapa, composta pelos 4 Ps do marketing: produto (o que será oferecido), preço (quanto irá custar o seu serviço); praça (onde será vendido) e promoção (de que modo será divulgado). Essa análise auxiliará você a tomar as melhores decisões sobre a maneira como seu empreendimento irá funcionar.

Quanto será necessário investir?

Essa é uma questão que preocupa muito os novos empreendedores. Dependendo do ramo de atividade escolhido, você demandará investimentos maiores ou menores, já que uma fábrica exige maquinários, enquanto um e-commerce quase não tem custos.

O primeiro passo é levantar os recursos que você possui e avaliar se são suficientes para iniciar seu empreendimento. Vale lembrar que, além do investimento inicial, é crucial que se tenha uma reserva de emergência, chamada fundo de caixa. Se os recursos forem suficientes, é um grande fator a favor do sucesso de seu empreendimento. Caso não sejam, não é preciso se preocupar, pois existem linhas de crédito específicas para quem quer empreender com taxas menores e juros reduzidos.

Nesse ponto, também, é indispensável a definição de um método de gerenciamento e controle de recursos. Existem diversos softwares e plataformas on-line que possibilitam ao empreendedor controlar todas as finanças de seu empreendimento com facilidade, indo além de gerenciar o que entra e o que sai. Relatórios mensais de fluxo de caixa, emissão de notas fiscais e controle de estoque, geralmente, estão integrados a essas plataformas e permitem uma visão completa da saúde de seu empreendimento.

Pela lei, o que é preciso para abrir sua empresa?

Após a escolha de um nome para seu empreendimento, é necessário que seja avaliada a viabilidade desse nome, ou seja, se ele já não é utilizado por outras empresas. O segundo passo é registrar a empresa junto à Receita Federal, para aquisição de CNPJ e, também, na Junta Comercial de seu estado. Os documentos necessários para registro de uma empresa podem variar de acordo com o tipo jurídico do negócio.

LEIA TAMBÉM: Veja os documentos necessários para abrir sua empresa

Esses são apenas alguns pontos sobre o que é necessário para se iniciar um empreendimento. O caminho para manter-se no mercado pode ser difícil, mas, com algum esforço e um pouco de estudo, é possível desviar dos obstáculos. Para isso, confira nosso post sobre erros de gestão financeira que podem acabar com a sua empresa e fuja dessas armadilhas!

Gostou desse artigo? Assine nossa newsletter e receba mais conteúdo sobre finanças para pequenas empresas. 

Curta também nossa página no Facebook e fique por dentro dos assuntos de interesse dos empreendedores.


As informações podem estar resumidas e, portanto, incompletas. Este documento / informação não constitui, e não deve ser considerado um substituto para aconselhamento jurídico ou financeiro. Cada situação financeira é diferente e as informações oferecidas são gerais. Entre em contato com seus consultores financeiros ou legais para obter informações específicas sobre sua situação.

Artigos Relacionados

Como saber o momento certo (e o errado) para abrir uma empresa

Dizem que o momento é tudo. Quando se fala em abrir uma…

Leia Mais

Saiba como abrir uma empresa

Em momentos de crise, surgem muitas oportunidades para empreender, mas você sabe…

Leia Mais

Dicas de como abrir uma empresa de serviços

Caso você tenha uma habilidade ou área de especialização particular, abrir uma…

Leia Mais