2017-04-10 00:00:00 Documentação English Selecionamos as diferenças entre Lucro Presumido e Simples Nacional para que você saiba qual melhor regime para seu negócio. https://d2bnb9dvbpjkfy.cloudfront.net/wp-content/uploads/2017/05/09021037/600X350_Fotolia_140270609_Subscription_Monthly_M.jpg simples nacional Lucro Presumido ou Simples Nacional: descubra o modelo ideal

Lucro Presumido ou Simples Nacional: descubra o melhor regime para seu negócio

1 min de leitura

Pagar imposto é o tipo de assunto que grande parte dos empreendedores prefere pular, mas, considerando a importância de estar em dia com o governo federal, cedo ou tarde precisa ser comentado. Para ajudar você a entender com qual regime tributário melhor se enquadra o seu negócio, selecionamos as diferenças entre Lucro Presumido e Simples Nacional. Fique por dentro!

  1. Objetivos
  1. Teto de faturamento
  • Lucro Presumido: para ser enquadrado nesse regime, o negócio precisa ter faturado até R$ 78 milhões no calendário anterior.
  • Simples Nacional: para que as microempresas sejam incluídas no programa, a partir de janeiro de 2018, precisam ter um limite de faturamento de R$ 900 mil nos últimos 12 meses. Já as pequenas empresas, 4,8 milhões.
  1. Margem de lucro
  • Lucro Presumido: ideal para negócios que apresentam margens de lucros acima da previsão.
  • Simples Nacional: indicado para aqueles que contam com margem de lucro média ou alta.
  1. Custos com folha de pagamento
  • Lucro Presumido: o INSS patronal incide em torno de 28% sobre a folha.
  • Simples Nacional: a Contribuição Previdenciária (CPP) substitui o INSS patronal.
  1. Como acontece o recolhimento de impostos
  • Lucro Presumido: os impostos federais (IRPJ e CSLL) são baseados na previsão de lucro do negócio, com base no faturamento bruto de suas operações.
  • Simples Nacional: os impostos são calculados de acordo com o faturamento da empresa, seu enquadramento e alíquotas. Em uma única guia são recolhidos os impostos federais, estaduais e municipais.

Lucro Presumido e Simples Nacional na calculadora do Sebrae

Para que você possa ver, na prática, quanto recolheria de impostos se o seu negócio se enquadrasse no Simples Nacional e o quanto no Lucro Presumido, acesse a calculadora do Sebrae. É só selecionar o ramo de atividade, valor da receita anual e da folha de salário. Qualquer dúvida é só consultar o seu contador. 😉

Leia também: Lucro real x Lucro presumido – entenda as diferenças.

As informações podem estar resumidas e, portanto, incompletas. Este documento / informação não constitui, e não deve ser considerado um substituto para aconselhamento jurídico ou financeiro. Cada situação financeira é diferente e as informações oferecidas são gerais. Entre em contato com seus consultores financeiros ou legais para obter informações específicas sobre sua situação.

Artigos Relacionados

MPE: pesquisa do Sebrae mostra que Simples Nacional dobra a sobrevivência dos negócios

Se você quer abrir uma empresa, mas tem receio de empreender por…

Leia Mais

Controle financeiro: analisar as contas da sua empresa pode ser a saída da crise

Crises econômicas, vira e mexe, aparecem no mercado – e isso acontece…

Leia Mais

Imposto de Renda: prepare-se para acertar as contas da sua empresa

É hora de “acertar as contas com o leão”. E como todas…

Leia Mais