2017-10-05 11:21:08Fluxo de caixaEnglishO fluxo de caixa projetado é aliado do empreendedor que deseja fugir da crise. Confira o artigo e aprenda a fazer previsão de fluxo de...https://quickbooks.intuit.com/br/blog/br_qrc/uploads/2017/10/o-que-e-fluxo-de-caixa-projetado-como-fazer.jpghttps://quickbooks.intuit.com/br/blog/fluxo-caixa/fluxo-de-caixa-projetado-e-como-fazer/Fluxo de caixa projetado: o que é e como fazer no seu negócio

Fluxo de caixa projetado: o que é e como fazer

3 min de leitura

Você está cansado de ouvir que o fluxo de caixa é vital para qualquer empresa, não é mesmo? Mas você sabia que, para evitar uma crise, é essencial que o empreendedor consiga fazer previsão de fluxo de caixa? Essa previsão é conhecida como fluxo de caixa projetado e nós garantimos: é bem mais simples do que parece.

Para abandonar a velha desculpa de que a empresa “não sabia que uma crise estava por vir”, acompanhe nosso artigo e entenda o que é fluxo de caixa projetado e como fazer as previsões que vão te livrar da desordem financeira. Vamos lá?

Leia também: Qual o papel do fluxo de caixa no planejamento financeiro?

  • O que é fluxo de caixa projetado?

Fluxo de caixa projetado é uma estimativa de datas e quantidade de dinheiro que você espera que passe pela sua empresa, incluindo todas as receitas e despesas.

O fluxo de caixa projetado funciona como uma régua que mostra qual o período entre vender e receber uma mercadoria, quando repor o estoque, entre outros. O fluxo de caixa projetado é capaz de indicar as melhores datas para pagar fornecedores e estabelecer outras datas de vencimentos, por exemplo.

  • Para que serve as previsões de fluxo de caixa?

As previsões de fluxo de caixa podem ajudar a prever sobras ou escassez no caixa da empresa. Auxilia na preparação de impostos e planejamento de novas compras de equipamentos, ou ainda pode ajudar o empreendedor a identificar se precisa de um empréstimo.

  • Como fazer uma previsão de fluxo de caixa?

  1.    Estime suas prováveis ​​vendas

O primeiro passo é estimar suas vendas prováveis ​​para cada semana ou mês. Use o seu histórico dos últimos dois anos para obter uma boa ideia do nível de vendas semanais ou mensais que você pode esperar. É improvável que elas sejam constantes, portanto, inclua padrões sazonais e eventos, como feiras comerciais, em suas projeções.

#dica: Não deixe de considerar a taxa de crescimento se o seu negócio estiver indo bem.

Leia também: Saiba como fazer uma projeção de vendas eficiente

  1.    Estime o tempo de pagamento

O próximo passo é estimar quando você espera receber o pagamento por suas vendas. A previsão é mais fácil se você operar com vendas à vista, já que recebe o dinheiro na hora. Se as vendas são no crédito, você precisará incluir em suas previsões de fluxo de caixa o provável atraso no pagamento.

#dica: Não deixe de considerar o índice de inadimplência, ele pode fazer muita diferença no caixa da empresa!

  1.    Estime seus gastos prováveis

É provável que seus gastos sejam compostos de gastos fixos e variáveis. Os fixos são aqueles que você terá que pagar independentemente do seu nível de vendas e incluem gastos como salários e contas de energia. Já os gastos variáveis são aqueles que caminham de acordo com as vendas, como compra de produtos, por exemplo, ou despesas para entregá-lo ao cliente.

Use sua previsão de vendas para determinar a quantidade de estoque ou matérias-primas que você precisará comprar para manter seu negócio em pé. Lembre-se de identificar outras contas que você precisará pagar e quando precisará pagá-las.

#dica: Verifique seus registros de pagamento do ano anterior para certificar-se de que não esqueceu de incluir despesas anuais ou esporádicas, como taxas contábeis ou impostos comerciais.

Leia também: O passo a passo do fluxo de caixa perfeito

  1.    Utilize suas previsões

Agora que você tem as receitas e despesas na sua previsão de fluxo de caixa, você está pronto para usá-la. Para descobrir seu fluxo de caixa projetado, basta adicionar o saldo inicial da conta bancária e adicionar a receita menos as despesas para cada período, semanal ou mensal.

Parece complicado, mas não é! E para descomplicar ainda mais o fluxo de caixa da sua empresa, experimente o QuickBooks. O QuickBooks é um aplicativo que possibilita o empreendedor a criar e gerenciar o fluxo de caixa com apenas alguns cliques.

Baixe o QuickBooks agora mesmo na App Store ou na Google Play e desfrute os benefícios de ter um gerenciador financeiro online!

 

As informações podem estar resumidas e, portanto, incompletas. Este documento / informação não constitui, e não deve ser considerado um substituto para aconselhamento jurídico ou financeiro. Cada situação financeira é diferente e as informações oferecidas são gerais. Entre em contato com seus consultores financeiros ou legais para obter informações específicas sobre sua situação.

Artigos Relacionados

4 motivos para ter atenção ao Fluxo de Caixa

Além de estar totalmente relacionado ao funcionamento diário da empresa, o fluxo…

Leia Mais

[INFOGRÁFICO] O passo a passo do fluxo de caixa perfeito

O Fluxo de Caixa é uma das mais importantes atividades ­de qualquer…

Leia Mais

7 dicas para manter o capital de giro em empresas sazonais

Um bom controle do capital de giro é indispensável para uma gestão…

Leia Mais