2021-04-09 08:00:11 Marketing English Listamos 14 ferramentas de marketing digital que você precisa conhecer para otimizar os resultados da sua empresa no Google e nas redes... https://quickbooks.intuit.com/br/blog/br_qrc/uploads/2021/04/14-ferramentas-marketing-digital.jpg https://quickbooks.intuit.com/br/blog/marketing/14-ferramentas-de-marketing-digital-que-voce-precisa-conhecer/?cid=soc_employee-ambassador&utm_channeltype=Twitter 14 ferramentas de Marketing Digital para usar agora %%sep%% %%sitename%%

14 ferramentas de marketing digital que você precisa conhecer

17 min de leitura

Com os avanços da tecnologia, a transformação digital e as mudanças no comportamento do consumidor, o mercado ficou cada vez mais virtual. Assim, o marketing digital, que já era importante, ocupa hoje um lugar central na condução dos negócios. Essa nova realidade abrange empresas de todos os portes e até mesmo os empreendedores. Por isso, é muito importante se adaptar a esse contexto e rever os diversos processos.

A boa notícia é que existem várias ferramentas de marketing digital para ajudar. Elas atendem a diversos tipos de necessidades e vão permitir que você implemente práticas de marketing digital eficientes.

Ao utilizar essas ferramentas, você não só vai aumentar suas vendas como também entregar uma melhor experiência ao seu cliente. Quer saber mais sobre o assunto? Neste post listamos 14 ferramentas de marketing digital essenciais para seu negócio!

Por que utilizar ferramentas de marketing digital?

Se antes o consumidor tinha um acesso limitado à informação e era mais suscetível à publicidade veiculada na TV ou nas mídias impressas, hoje o acesso à informação é praticamente universal.

Assim, antes de comprar um produto, o cliente pesquisa em sites, blogs e redes sociais, interage com a marca, tira dúvidas, consulta depoimentos, entre outras ações que são facilitadas pela tecnologia. Com esse novo protagonismo do consumidor no processo de compra, é preciso que sua marca esteja presente nas diversas etapas desse processo de decisão.

Você já ouviu falar de inbound marketing e marketing de conteúdo? Esses são dois conceitos importantes de marketing digital que mostram bem qual é a dinâmica atual de vendas.

Inbound marketing pode ser traduzido como marketing de atração, ou seja, você capta o interesse de um potencial cliente de forma mais natural ao invés de fazer uma publicidade mais invasiva. É por isso que também usamos bastante o marketing de conteúdo, que consiste justamente em criar conteúdo relevante para o público, para assim converter os interessados em clientes.

Mas como aplicar esse tipo de marketing em um pequeno negócio? É aí que entram as ferramentas de marketing digital: facilitarão seu contato com o público e farão com que sua marca fique mais visível.

E, caso você não disponha de muitos recursos para investir, não se preocupe: há uma variedade de ferramentas disponíveis, compatíveis com vários orçamentos — algumas, inclusive, são gratuitas.

Quais são as principais ferramentas de marketing digital?

As ferramentas de marketing digital abrangem todas as etapas do processo de venda, desde a entrega de informações relevantes até o contato após a compra para incentivar a fidelização.

Veremos a seguir 14 ferramentas de marketing digital!

1. CMS

Como dissemos, o consumidor atual tem amplo acesso à informação e costuma pesquisar na internet sobre como resolver os seus problemas. Por isso, se você busca mais visibilidade para sua marca, precisa estar presente onde os consumidores pesquisam e oferecer informações de qualidade. A melhor forma de fazer isso é justamente produzindo conteúdo sobre suas soluções, seus produtos e outras questões relacionadas, de forma a chamar a atenção de potenciais clientes.

Portanto, a primeira ferramenta de marketing digital da nossa lista é o CMS, sigla para Content Management System — ou Sistema de Gerenciamento de Conteúdo. É esse software que vai permitir que você organize informações e publique artigos em seu site e blog. Assim, contar com um CMS eficiente vai fazer com que você tenha um site otimizado, o que é um requisito para qualquer empreendimento no mercado atual.

WordPress

Há múltiplas ferramentas de CMS disponíveis, mas o WordPress ocupa uma posição muito especial na preferência das empresas devido à sua acessibilidade, versatilidade e plataforma intuitiva. Portanto, se você não tem conhecimento em programação e não dispõe de uma equipe para te ajudar nessa missão, o WordPress será um grande aliado do seu negócio. O recurso para edição de texto, por exemplo, é bem parecido com os editores de texto que usamos no dia a dia, como o Microsoft Word. Você ainda consegue acrescentar imagens com facilidade, para deixar suas publicações mais bonitas.

2. SEO

O SEO é um dos grandes conceitos do marketing digital, sendo que ele é fundamental para que seu negócio mantenha um bom ranqueamento nos sites de busca. A sigla significa Search Engine Optimization, ou seja, Otimização para Mecanismos de Busca.

Quando uma pessoa está se informando sobre algum produto ou serviço, ela provavelmente vai fazer uma pesquisa no Google ou outro buscador, certo? Os resultados da pesquisa são apresentados ao usuário de acordo com algoritmos que visam entregar informações relevantes de acordo com o que é pesquisado. Nessa hora, estar nas primeiras posições na página de resultados do buscador é um diferencial para sua marca. Afinal, as pessoas costumam clicar mais nos links que ficam no topo e dificilmente passam para a segunda página de resultados da pesquisa.

A análise de SEO permite verificar se o seu site está otimizado para os algoritmos do Google e demais sites de pesquisa. Dentre os elementos analisados em cada página do seu site, podemos citar:

  • relevância do conteúdo;
  • presença de palavras-chave e de suas variações;
  • existência de links no texto que levam o leitor para outros conteúdos relevantes, quer estejam dentro do próprio site ou em outros portais;
  • velocidade de carregamento;
  • adaptação do site à tela do celular e outros dispositivos móveis.

Tudo isso pode parecer complexo, mas você consegue otimizar o SEO de seu site mesmo sem um conhecimento profundo do assunto graças às ferramentas de marketing digital. Elas fazem uma leitura da sua página e indicam pontos de melhoria no conteúdo e na estrutura.

Você também pode usar ferramentas para pesquisar palavras-chave, estudar o mercado e analisar o comportamento de seus visitantes no site, obtendo dados que vão permitir trabalhar melhor seu SEO e ganhar relevância. Apresentamos algumas dessas ferramentas a seguir.

3. Moz Link Explorer

Moz é uma empresa de marketing especializada em SEO que tem como missão ajudar profissionais de todos os perfis a melhorarem suas práticas de marketing digital. Para alcançar esse objetivo, a Moz disponibiliza várias ferramentas intuitivas.

Uma delas é a Moz Link Explorer, que faz uma análise completa do seu site a fim de identificar oportunidades de melhoria. Dentre os pontos analisados estão:

  • links de outros sites que apontam para o site do seu negócio (também chamados de backlinks);
  • estrutura dos links presentes no seu site e sugestões de novos links para melhorar seu ranqueamento;
  • análise da estrutura de links em sites de empresas concorrentes;
  • identificação de links “quebrados” (que levam para páginas inexistentes, o que é prejudicial para a experiência do usuário);
  • pesquisa sobre conteúdo relevante para melhorar o seu posicionamento.

Como você viu, a Moz Link Explorer é bem completa e vai dizer de uma forma geral como você pode melhorar o seu site. Outras ferramentas permitem trabalhar aspectos mais específicos, como as palavras-chave, que são um elemento central de uma boa estratégia de SEO.

4. Semrush

Ao fazer uma pesquisa, o usuário vai digitar no Google o que procura. Assim, é importante entender quais são as palavras-chave mais importantes, pois elas vão fazer com que o buscador identifique o seu conteúdo para apresentá-lo nos resultados de busca.

Mesmo que você já tenha uma certa ideia sobre os termos que as pessoas digitam ao pesquisar sobre determinado produto ou serviço, uma análise mais profunda por meio de uma ferramenta de marketing digital apropriada vai oferecer dados valiosos.

Uma das plataformas mais utilizadas pelas empresas é a Semrush, que funciona como um buscador de palavras-chave a nível nacional e local, de acordo com a realidade do seu negócio. O objetivo é que você consiga fazer uma pesquisa de mercado para identificar as palavras-chave mais relevantes.

Para complementar, a Semrush oferece outras funcionalidades, como a análise dos links do seu site e um diagnóstico mais abrangente do seu SEO, também no intuito de sugerir pontos de melhoria. Por fim, é possível fazer o monitoramento do posicionamento do seu site nos buscadores.

5. Google Search Console

Todo o esforço com a otimização de SEO do site visa captar mais tráfego orgânico, ou seja, usuários que chegam naturalmente ao seu site por meio dos mecanismos de busca ou outros sites. A grande vantagem do tráfego orgânico é que ele tem um custo baixo a longo prazo, pois o seu investimento consiste apenas na melhoria do SEO e na criação de conteúdo. Assim, um bom trabalho de SEO faz com que você ganhe visibilidade ao longo do tempo e conquiste uma audiência cada vez mais ampla.

Mas como saber se você está no caminho certo? O Google Search Console é uma ferramenta gratuita do próprio Google que vai te ajudar a mensurar o tráfego orgânico e analisar sua evolução. Ela funciona como um painel no qual você consegue visualizar o número de usuários que acessaram seu site, dados demográficos, assim como as diversas páginas que foram visitadas e por quanto tempo.

A plataforma também indica quais são as páginas que têm melhor ranqueamento e se há usuários que vieram por meio de outros sites (clicando em um backlink, por exemplo). Os dados do Google Search Console são relevantes para você fazer um diagnóstico completo do seu site. Para usar a ferramenta, será necessário se cadastrar e confirmar a propriedade do seu site; mas não se preocupe, eles oferecem um passo a passo detalhado para auxiliar você e o processo é rápido.

6. Google Ads

Como vimos, o SEO apresenta resultados incríveis e dá a oportunidade ao seu negócio de ficar visível de forma orgânica, ganhando presença no mercado consumidor. Contudo, como é de se imaginar, leva um determinado tempo conquistar um bom ranqueamento nos motores de busca.

Portanto, vale a pena complementar essa estratégia com campanhas publicitárias pagas, que proporcionam resultados mais imediatos para aumentar as vendas no curto prazo. E é possível fazer isso também usando palavras-chave e abordagens direcionadas para o público que você deseja alcançar.

Uma das melhores ferramentas para criar esse tipo de campanha é o Google Ads, que é a plataforma de anúncios pagos do próprio Google. Trata-se dos anúncios patrocinados, que aparecem logo acima dos primeiros resultados de pesquisa no Google.

Com a ferramenta, você consegue criar anúncios para seus produtos e serviços e fazer uma segmentação com palavras-chave para determinar quem visualizará sua oferta, o que permite alcançar um público-alvo bastante específico. Você também pode determinar um limite máximo de gasto com as campanhas, de modo a controlar seu orçamento.

Mesmo que o Google Ads permita a veiculação de anúncios para as pessoas certas por meio de uma segmentação precisa, o SEO continua sendo importante. A experiência de navegação no site também conta muito — afinal, se o carregamento é rápido, as informações são relevantes e há links para outros conteúdos, a probabilidade de o usuário ficar mais tempo no site ou mesmo comprar seu produto aumenta.

7. Google Analytics

Vimos que o Google disponibiliza uma ferramenta para analisar o tráfego orgânico em seu site. Mas e quanto aos usuários que chegam por meio de anúncios pagos? O Google Analytics é outra ferramenta do Google, também gratuita, que faz essa análise para você.

No Google Analytics, você consegue ter uma visão do comportamento dos usuários no site, dados demográficos sobre eles, informações sobre as páginas mais visitadas e o tempo passado no site. A melhor parte é que você consegue identificar a parcela de tráfego que é orgânica daquela que vem de anúncios pagos, o que permite fazer comparações. Para utilizar o Google Analytics, também é necessário realizar algumas configurações; mas está tudo explicado no suporte do Google.

8. mLabs

Até aqui explicamos a importância das ferramentas de marketing digital para a produção de conteúdo e otimização de SEO em seu site e blog. Outra parte importante desse trabalho envolve as mídias sociais, pois são elas que permitem conversar com a sua audiência, criar engajamento e, inclusive, trazer mais pessoas para o seu site.

Com a diversidade de redes sociais que existem hoje, não é viável alimentar cada uma individualmente. Nesse sentido, a mLabs é uma ferramenta muito útil, que vai permitir que você centralize a gestão das suas redes sociais em apenas uma plataforma.

Com a mLabs, você pode agendar posts em várias redes sociais em todos os formatos de conteúdo: vídeos, imagens, stories, entre vários outros. Assim, você pode criar fluxos de postagem que podem ser programados de forma periódica — dias, semanas e até mesmo meses.

Atualmente, as seguintes redes sociais podem ser incorporadas à ferramenta:

  • Facebook;
  • Instagram;
  • LinkedIn;
  • WhatsApp;
  • Twitter;
  • YouTube;
  • Pinterest.

Uma função importante disponibilizada pela mLabs é a possibilidade de responder a comentários e mensagens privadas nas redes sociais, o que otimiza seu tempo, pois você não precisa acessar cada rede social para atender seu público. Como nas redes sociais as pessoas esperam uma resposta rápida, essa agilidade é muito importante.

Do ponto de vista da análise das suas redes sociais, a plataforma disponibiliza diversos relatórios de mídia social, com dados que ajudarão você a entender o impacto das suas ações e as formas de melhorar para atrair clientes nesses canais. Também é possível criar vários usuários na mLabs, o que é um recurso interessante se várias pessoas gerenciam as redes sociais na sua empresa.

9. RD Station

Site, blog, redes sociais: são muitos os canais de comunicação no marketing digital. E se fosse possível contar com uma ferramenta que proporcione uma visão integrada de todos esses espaços? Essa é a função da RD Station, uma ferramenta de gestão de marketing digital desenvolvida por uma empresa brasileira e que promove inovações em startup. Ao centralizar todos os recursos em uma só plataforma, você ganha em eficiência e produtividade.

Assim, a RD Station reúne ferramentas de análise técnica de SEO, buscador de palavras-chave, funções de gerenciamento de mídias sociais, dentre outros. Além disso, a plataforma analisa o desempenho do seu site, blog e redes sociais e entrega relatórios completos. A RD Station ainda disponibiliza diversos cursos e materiais educativos que podem ajudar você a adquirir conhecimento especializado.

10. Mailchimp

Mesmo com a chegada de novos canais de comunicação como as redes sociais, o e-mail continua sendo uma ferramenta importante. O e-mail marketing serve especialmente para manter o contato com sua base de contatos, enviando conteúdos relevantes. O objetivo é que você consiga construir e manter um relacionamento com seus contatos e clientes para mantê-los sempre próximos da sua marca.

Para ter uma estratégia eficiente de e-mail marketing, é importante contar com um bom sistema, como o Mailchimp, que é um dos mais utilizados. Com recursos completos e uma interface intuitiva, a plataforma permite criar campanhas para públicos específicos. Tudo é personalizável: conteúdo, design, lista de e-mails, dia e horário de envio.

Além disso, você conta com modelos prontos de e-mail, ferramentas de edição de texto e design, assim como outros recursos mais avançados, a exemplo do teste A/B. Explicando melhor, no teste A/B você cria duas versões de campanha com uma variável diferente, como o título, e consegue analisar qual delas tem mais eficiência.

Por fim, os relatórios emitidos pelo Mailchimp permitem analisar dados como:

  • número de pessoas que abriram o e-mail;
  • taxa de clique nos links;
  • quantidade de usuários que se descadastraram;
  • percentual de e-mails identificados como spam;
  • horários de abertura dos e-mails.

Para quem está começando e ainda tem uma base pequena de contatos, o Mailchimp conta com um plano gratuito. Assim, vale a pena experimentar a ferramenta.

11. Landing page

Como vimos, o e-mail marketing é um recurso eficiente para manter uma comunicação com sua base de contatos, incluindo clientes e potenciais clientes. Isso nos traz ao tema da captação de contatos, e também existe uma ferramenta de marketing digital para isso: a landing page, ou “página de destino” em português.

Trata-se de uma página em seu site, blog ou mesmo nas redes sociais com a função de atrair o público e captar dados de contato para integrar à sua base. Para isso, geralmente é oferecido algum material, como um e-book, com informações úteis para o usuário. O material é disponibilizado gratuitamente em troca de dados de contato (como e-mail) e da autorização para o envio de e-mails comerciais. Portanto, é uma ótima ferramenta para aumentar suas assinaturas de e-mail.

Como o objetivo da landing page é atrair pessoas, é importante que ela contenha informações concisas e claras, para que o público entenda o assunto e se interesse por solicitar o material. Também é importante que ela esteja otimizada de acordo com as regras de SEO, tanto para ficar mais visível quanto para oferecer uma melhor experiência ao usuário. A landing page pode ser divulgada de diversas formas, dentre as quais campanhas pelo Google Ads ou nas redes sociais (além, é claro, do tráfego orgânico).

12. Ferramenta de bate-papo

O conceito de chat (ou bate-papo) não é algo recente, mas é cada vez mais utilizado pelas empresas. Essa ferramenta é integrada ao seu site e abre uma caixa de diálogo na qual o usuário pode conversar com a empresa e tirar dúvidas. Na outra ponta, você dispõe de um software no qual consegue responder e fazer o atendimento. É possível usar alguns recursos para otimizar a comunicação, como respostas pré-determinadas.

Há diversas ferramentas de chat, algumas de utilização mais simples e outras com recursos mais avançados. Um exemplo de ferramenta simples para pequenos negócios é o LiveChat. Sem dúvida, esse tipo de ferramenta de marketing digital é muito importante para melhorar a qualidade do seu atendimento e do relacionamento com seu público.

13. Formulários de pesquisa

Como foi possível perceber, no marketing digital os dados são muito importantes para definir estratégias. Assim, uma importante ferramenta é o formulário de pesquisa. O objetivo é elaborar um questionário para entender melhor as necessidades do público. Para isso, é importante determinar o grupo de pessoas que receberá a pesquisa e as perguntas que serão feitas para obter as informações necessárias ao aprimoramento da estratégia de marketing.

É possível utilizar uma ferramenta de e-mail marketing para enviar o formulário às pessoas selecionadas, ou mesmo fazer isso por meio das redes sociais. Além de permitir a obtenção de informações valiosas para nortear decisões de marketing, os formulários de pesquisa são uma forma de criar mais proximidade com o público. Ferramentas como o Mailchip e o Google Forms permitem fazer formulários de graça.

14. Trello

Para finalizar nossa lista, vale destacar uma ferramenta que não vai influenciar diretamente a sua relação com o público, mas que vai melhor a comunicação dentro da sua própria equipe de marketing. O Trello é uma plataforma voltada para a gestão de projetos. Disponível tanto para desktop quanto para celular, oferece um ambiente que permite acompanhar o andamento de projetos, atribuir tarefas e ter uma visão geral do trabalho.

Essa é uma ferramenta colaborativa, ou seja, que visa a interação entre os usuários e uma comunicação mais próxima entre os membros da equipe. Visualmente, a ferramenta utiliza um sistema de cartões, que correspondem a tarefas. Assim, de acordo com as anotações, cor e posição do cartão, é possível saber qual é a tarefa, a quem é atribuída e qual é o seu prazo. Esse sistema cria um fluxograma bastante intuitivo, que permite uma melhor coordenação entre todos.

Como você pôde ver, as ferramentas de marketing digital para otimizar os processos de sua empresa são inúmeras. Ao escolher os recursos, tenha em mente a sua necessidade. Assim, você conseguirá trabalhar com as ferramentas ideais, o que trará resultados efetivos. Gostou das nossas dicas? Então aproveite e assine a nossa newsletter para ter acesso a todas as novidades do QuickBooks!

As informações podem estar resumidas e, portanto, incompletas. Este documento / informação não constitui, e não deve ser considerado um substituto para aconselhamento jurídico ou financeiro. Cada situação financeira é diferente e as informações oferecidas são gerais. Entre em contato com seus consultores financeiros ou legais para obter informações específicas sobre sua situação.

Frase dinâmica vendedora de acordo com a caregoria para ter um melhor efeito!

Oferta especial

Até
70
%
off
Teste agora


Sistema de Controle Financeiro para seu Negócio

Veja também

Tudo o que você quer saber sobre marketing digital para contabilidade

Além de ser uma escolha estratégica, apostar em marketing digital para contabilidade…

Leia Mais

Como definir personas? Confira um guia completo!

Imagine que você precisa presentear alguém que não conhece. É uma tarefa…

Leia Mais

7 dicas para vender na internet de maneira eficiente

Se você tem um negócio, independentemente do ramo de atuação, já deve…

Leia Mais