2012-10-31 00:00:00MEIEnglishMesmo para pessoas que não buscam o caminho de abrir uma própria empresa, o chamado “home office” é uma realidade cada vez mais...https://quickbooks.intuit.com/br/blog/br_qrc/uploads/2017/05/tumblr_mcrzrkoRiW1rxwnco3.jpghttps://quickbooks.intuit.com/br/blog/mei/os-desafios-e-recompensas-de-trabalhar-em-casa/Os desafios e recompensas de trabalhar em casa

Os desafios e recompensas de trabalhar em casa

3 min de leitura

Desde quando o QuickBooks foi aberto ao público, vimos uma grande demanda vinda de empreendedores individuais que escolheram sua casa como local de trabalho. Mesmo para pessoas que não buscam o caminho de abrir uma própria empresa, o chamado “home office” é uma realidade cada vez mais frequente no Brasil e no mundo: dois em cada três estudantes consideram que não precisam estar num escritório para serem produtivos, de acordo com uma pesquisa da Cisco, e 83% dos brasileiros estariam dispostos a trocar salários altos por maior mobilidade e flexibilidade de horário de trabalho.

O avanço da tecnologia tornou possível a muitos trabalhadores fazer as atividades laborais em seus lares, mas entre os empreendedores, os fatores que propiciam essa escolha são anteriores a isso. O tipo de negócio, somado à comodidade do lar e o alto custo inicial de ter uma loja ou uma sala comercial tornam a escolha do escritório doméstico ainda mais atraente.

Para os empreendedores, o “home office” é algo que demanda ainda mais atenção; enquanto o funcionário que trabalha em casa ainda está atrelado aos horários da empresa à qual trabalha, o empresário depende apenas de sua própria disciplina e conveniência para exercer seu trabalho e gerar sua renda. A flexibilidade de cada negócio varia de acordo com o horário mais produtivo para o empresário e o ideal para manter-se em contato com clientes, fornecedores, prestadores de serviços, entre outros.

Os benefícios de trabalhar em casa parecem tentadores: evitar o trânsito e seus horários de rush, estar mais perto da família, cortar despesas da vida urbana, utilizar seus próprios equipamentos (em breve falaremos mais sobre o BYOD), entre outros. Contudo, para ambas as realidades, o trabalhador doméstico precisa estar atento para que o trabalho não comprometa a tranquilidade do lar. Algumas dicas são muito importantes para quem pretende trabalhar em casa:

  • O trabalho doméstico exige o mesmo rigor do trabalho comum no que diz respeito a formalidade: estar bem arrumado, cumprir horários pontualmente e ter um cômodo específico para o exercício do trabalho são atitudes importantes. É importante ter canais de comunicação específicos da empresa: um e-mail corporativo e uma linha telefônica dedicada;
  • Se você escolheu um cômodo, limite o seu trabalho somente àquele cômodo e deixe o restante da casa para o tempo com a família. Se você recebe clientes pessoalmente ou tem funcionários, use uma entrada específica que não atravesse a área familiar, e caso necessário, isole acusticamente o cômodo de trabalho;
  • Fique atento à legislação específica para o lugar onde você mora e o tipo de negócio que você administra: as dependências empresariais da casa precisam seguir as normas de higiene, e o alvará de funcionamento também é necessário;
  • Não misture vida pessoal com vida profissional: jamais misture dinheiro do caixa da empresa com as finanças da família, e durante seu horário de trabalho, mantenha sua mente em modo de trabalho. Evite distrações e deixe os assuntos de família para fora do expediente.

Seguindo essas dicas, você não comprometerá a santidade do seu lar e a formalidade da sua empresa. Lembre-se que todo negócio exige muita pesquisa e planos bem definidos, não importa onde você pretende operar sua empresa, e mesmo o empreendimento que você comanda em sua casa precisa de um gerenciamento financeiro fácil e eficiente. Utilize o QuickBooks, a ferramenta mais simples para o dinheiro da sua empresa, gratuitamente!

As informações podem estar resumidas e, portanto, incompletas. Este documento / informação não constitui, e não deve ser considerado um substituto para aconselhamento jurídico ou financeiro. Cada situação financeira é diferente e as informações oferecidas são gerais. Entre em contato com seus consultores financeiros ou legais para obter informações específicas sobre sua situação.

Artigos Relacionados

Conheça os 6 maiores desafios do pequeno empreendedor

Não importa em qual mercado um negócio esteja inserido, o empreendedorismo vem…

Leia Mais

Os 6 principais desafios financeiros do profissional liberal

Ser um profissional liberal tem muitas vantagens: flexibilidade de tempo, poder gerenciar…

Leia Mais

5 frases motivacionais para inspirar seus negócios hoje mesmo

Se tudo o que você precisa hoje é de um pouco de…

Leia Mais