2017-05-29 00:00:00 Planejamento Financeiro English Pagar uma dívida pessoal com o dinheiro do caixa é certo? Veja dicas para manter o controle financeiro, finanças pessoais e finanças... https://quickbooks.intuit.com/br/blog/br_qrc/uploads/2017/06/financas-pessoais-financas-empresariais-porque-nao-misturar.png https://quickbooks.intuit.com/br/blog/planejamento-financeiro/financas-pessoais-financas-empresariais/ Finanças pessoais x finanças empresariais: porque não misturá-las

Finanças pessoais X finanças empresariais: porque não misturar

2 min de leitura

Sabe quando chega aquela conta que você não estava preparado financeiramente para pagar e acaba tirando esse valor do caixa do seu negócio para quitar?

Esse tipo de prática pode causar certo alívio, do ponto de vista de que é uma conta a menos, mas por outro lado pode tirar o controle financeiro de suas mãos. E o que era uma conta viram duas, três e o empreendedor acaba tirando dinheiro das compras de mercado para salvar as finanças da sua empresa, por exemplo.

Mas se o dinheiro é mesmo meu, por que separar?

Separar as finanças pessoais das empresariais evita prejuízos, como a perda de controle financeiro, falta de visibilidade sobre a realidade do negócio e até mesmo sua falência. Ou seja, no final do mês já não se sabe se o mesmo teve lucro, bateu meta ou se só teve despesas.

Leia também: Especial Empreendedorismo e Finanças Pessoais

Confira dicas para fazer a divisão das finanças pessoais e finanças empresariais, organizar seu fluxo de caixa e também o próprio bolso.

Separe suas contas

Para evitar confusão, a recomendação é usar contas correntes separadas. Uma para você, pessoa física, e outra para o seu negócio como pessoa jurídica. Outra boa dica é pesquisar os planos corporativos e benefícios que o seu banco oferece.

Calcule o lucro da empresa

Assim, é possível fazer investimentos, entender o capital de giro e fazer o pagamento dos funcionários.

Seja justo na definição de salário

Você precisa receber de acordo com a situação financeira de seu negócio, sem causar prejuízos no caixa. Já ouviu falar em pró-labore? Saiba tudo sobre essa remuneração.

Leia também: 7 dicas de finanças para pequenas empresas

Crie reservas mensais

Para prevenir seu negócio de possíveis mudanças econômicas, entre outras situações imprevistas, crie uma reserva financeira ou fundo de reserva para sua empresa e outra para você usar em sua vida pessoal.

Tenha o controle financeiro na palma das mãos

Crie uma rotina rígida e separe seus gastos empresariais dos seus gastos pessoais, incluindo todas as despesas domésticas e familiares.

 

Ganhe segurança com o uso da tecnologia

Com o uso de programas de fluxo de caixa online, como o QuickBooks, que é grátis e seguro, você facilita o controle de gastos, receitas, impostos e toda a contabilidade em geral.

 

As informações podem estar resumidas e, portanto, incompletas. Este documento / informação não constitui, e não deve ser considerado um substituto para aconselhamento jurídico ou financeiro. Cada situação financeira é diferente e as informações oferecidas são gerais. Entre em contato com seus consultores financeiros ou legais para obter informações específicas sobre sua situação.

Frase dinâmica vendedora de acordo com a caregoria para ter um melhor efeito!

Oferta especial

Até
70
%
off
Teste agora


Sistema de Controle Financeiro para seu Negócio

Veja também

LGPD: entenda como essa lei afeta o seu negócio e como se adequar

À medida em que a tecnologia evolui, mais dados sigilosos das pessoas…

Leia Mais

Big Data na contabilidade: entenda como pode ser utilizado

Se você é um contador atento às recentes transformações vivenciadas pela área…

Leia Mais

Planejamento e controle financeiro: como fazer em tempos de crise?

Ter um planejamento e controle financeiro é fundamental para que a empresa…

Leia Mais